Benefícios da Laranja Lima

Benefícios da Laranja Lima

A Laranja Lima,também conhecida como lima verde, serra-d’água ou lima laranja, é uma espécie de laranja grande, doce, pouco ácida e muito suculenta.

Benefícios da Laranja Lima

Sua origem é controversa, mas acredita-se que tenha surgido no sudeste asiático. Na Idade Média, já era cultivada na Europa e, depois, espalhou-se pelo mundo. A laranja foi um alimento imprescindível na época das grandes navegações. Como os marinheiros passavam meses a fio em alto mar, seus níveis de vitamina C baixavam e desencadeavam o escorbuto. A simples inserção deste alimento em suas dietas, além de prevenir esta doença, curava-a.

Assim, através das navegações, a laranja chegou às terras tupiniquins. Como o Brasil possui clima tropical a subtropical, a laranja adaptou-se muito bem aqui. Atualmente, o país é o maior produtor de laranja do mundo, exportando aproximadamente 870.311 toneladas por ano.  Apesar de a laranja ser um alimento muito popular no Brasil, a variedade laranja lima é pouco comercializada, sendo a laranja mais difícil de se encontrar no mercado. Seu cultivo normalmente está associado a pequenas propriedades privadas.

Seu nome científico é Citrus aurantifolia

Laranja lima: benefícios

Os benefícios da laranja lima estão diretamente relacionados à saúde, porque é extremamente nutritiva. Esta laranja auxilia no tratamento, controle e prevenção de doenças, bem como na melhora de inúmeros fatores da saúde. A seguir, vamos explicar um pouquinho destas vantagens.

  1. Prevenção da anemia: A anemia ocorre quando há uma diminuição dos glóbulos vermelhos (hemoglobina) no sangue causada pela falta de ferro. Embora a laranja não possua muito ferro, a vitamina C é indispensável para que o corpo consiga absorver este nutriente. Sem a vitamina C, o corpo não consegue absorvê-lo e, assim, gera a anemia.
  2. Auxilia na prevenção de pedras nos rins: Como a laranja lima é rica em ácido cítrico e citratos, auxilia o corpo a não formar pedras nos rins.
  3. Previne doenças cardíacas: Esta laranja é rica em flavonoides, especialmente na hesperidina que, segundo estudos, tem se mostrado possuir efeitos protetores contra doenças cardíacas.
  4. Atua como tônico para o corpo: Como possui muita água e é rico em sais minerais e vitaminas, está fruta revitaliza o corpo, funcionando como um tônico, auxiliando o metabolismo e aumentando a imunidade.
  5. Óleo de laranja: Este óleo funciona como um desintoxicante para o corpo, aumenta a imunidade, trata a constipação e dispepsia, além de deixar a pele mais saudável, lisa e cheirosa. Seus ácidos também auxiliam na prevenção de acne e dermatite.
  6. Prevenção de inflamações: A laranja lima é um poderoso antioxidante natural. Sua vitamina C auxilia o corpo a repelir agentes infecciosos, eliminar radicais livre e aumenta a imunidade.
  7. Protege o intestino e o cólon: Esta fruta é rica em fibras dietéticas e pectina, que tem efeito laxativo e auxilia nos movimentos peristálticos. Também protege a mucosa do cólon, diminuindo o tempo de exposição de substâncias tóxicas, bem como a ligação de substancias que podem causar o câncer de cólon. A pectina também reduz os níveis de colesterol no sangue, ao ligar-se aos ácidos biliares, diminuindo sua reabsorção. A laranja lima também não possui gordura saturada ou colesterol.
  8. Função energética: Apesar de ter baixa caloria, é fonte de vitamina do complexo B, além de outros sais mineiras imprescindíveis para a manutenção do corpo.

Além destes benefícios, ela ainda ajuda a prevenir coágulos no sangue, aperfeiçoa o sistema circulatório, diminui a acidez do organismo, combate o envelhecimento das células e hidrata o corpo. Ela ainda ajuda indivíduos com complicações gástricas. Para esses indivíduos é ideal que a fruta seja consumida in natura para não danificar a vitamina C.

Laranja lima: propriedades

As propriedades da laranja lima são muitas, ela possui mais de 170 tipos de fitoquímicos e é fonte de vitamina C, ácido fólico, magnésio, potássio e fibras.

Esta fruta é muito recomendada para quem está de dieta, pois possui baixa caloria. A cada 100g de fruta tem 45,7kcal; 11,5g de carboidratos; 1,1g de proteína; 1,8g de fibra alimentar; 31,5mg de cálcio e 43,5mg de vitamina C.

Benefícios da laranja lima para o bebê

A laranja lima fruta para o bebê é muito importante. Como esta variedade de laranja possui muita vitamina C e tem acidez reduzida, é muito recomendada para os bebês. Seu paladar pouco agressivo e doce agrada os recém-nascidos, conseguindo-se facilmente que seja introduzido em suas alimentações. Também é recomendado para gestantes. Como o estômago neste período fica mais sensível, este tipo de laranja ajuda a controlar a acidez e manter os níveis de vitamina C em quantidade adequada.

Malefícios da laranja lima

Como visto acima, a laranja lima traz inúmeros benefícios, contudo, deve-se tomar alguns cuidados. Por ser riquíssima em vitamina C, está laranja pode causar alergia a algumas pessoas muito sensíveis. 

Pessoas com problemas estomacais também devem tomar cuidado. O consumo excessivo dessa fruta pode piorar sintomas de problemas como colecistites, hepatite, enterite, colite e úlceras.

Para que serve a laranja lima?

A laranja lima, por ser doce e menos ácida que as outras variedades de laranja, são muito indicadas para serem consumidas in natura ou em sucos. Não são muito utilizadas na culinária, pois são pouco acessíveis e pouco ácidas. Apesar de não ser comum, pode-se fazer compotas, geleias, bolos, doces, bebidas alcoólicas, saladas e sorvetes.

Laranja lima: cultivo

A laranja lima é uma árvore perene que pode chegar a 4 metros de altura. Possui ramos resistentes com espinhos rujos, folhas alongadas com bordas denteadas. Suas flores são grandes e róseas. A floração ocorre na primavera, com frutificação no inverno. Apesar de ser uma árvore de clima tropical, adaptou-se muito bem ao clima subtropical.

A laranja lima fruta é grande de 6 a 20 cm de comprimento, hesperídia, globosa, alongada e com sementes. Sua casca é grossa, rugosa de cor intensa amarelo-esverdeada.

Como possui sementes, seu cultivo pode ser feito pela semeação ou por enxertia. Seu crescimento é rápido, gerando frutos após 2 anos de plantio. Deve-se plantá-la em pleno sol e nos 2 primeiros anos regá-la a cada 2 dias. Após esse período, pode-se regá-la somente em períodos de estiagem prolongada.

Sua poda deve ser realizada durante o inverno, mas somente em ramos-ladrão, doentes e secos. Não deve-se podá-la mais que o necessário. Uma curiosidade desta árvore é que ela atrai borboletas.